A nossa empresa faz história: Isto, há 150 anos

A história de sucesso da Bizerba teve início há 150 anos na cidade de Balingen, em Baden-Württemberg, Alemanha. Até hoje, a família fundadora Kraut, atualmente já na quinta geração, tem um relacionamento próximo com Balingen e com a Bizerba. Entretanto, a Bizerba transformou-se em uma empresa de tecnologia líder no mercado em diversos setores e a nível mundial, na qual as tradições e os valores comprovados são tão valorizados quanto as inovações e as novas formas de pensar.

 

Fundador da empresa Andreas Bizer

1866

O serralheiro Andreas Bizer, nascido em 2 de setembro de 1839, entra para as oficinas de construção de balanças dos irmãos Bizer em Ebingen, antigo distrito de Balingen, e é encarregado pela cidade de Balingen de construir uma balança tipo ponte. Antes da conclusão da grande balança romana no ano seguinte, ele conhece sua futura esposa. A balança está atualmente em exposição no Museu de Balanças e Pesos no Castelo Zollern.

Bizer e Balingen transforma-se em Bizerba

1868

Andreas Bizer – agora já mecânico – torna-se cidadão de Balingen e a 7 de novembro registra a sua própria pequena empresa com o nome "A. Bizer, Fabricação de balanças tipo ponte, balanças de mesa e básculas" no registro comercial. No dia 19 de novembro de 1868, Andreas Bizer se casa com Anna Elisabetha Wagner, de Balingen.

Criação de um estabelecimento de metrologia em Balingen, sob o comando do metrologista Andreas Bizer

1871

Com a introdução do sistema métrico de pesos e medidas, um estabelecimento de metrologia é criado em Balingen sob o comando do metrologista Andreas Bizer. Em 1881 nasce a filha do casal Bizer, Anna, que, em 1906, casa-se com o futuro Professor Wilhelm Kraut.

Professor Wilhelm Kraut

1875

Sendo filho de um encanador, Wilhelm Kraut demonstra desde cedo talentos artísticos e técnicos. Com 15 anos de idade, passa no seu exame profissional e pode frequentar cursos de desenho, modelagem, geometria, aritmética e cálculo. Ele aprende a profissão de eletricista especializado em corrente de baixa tensão. Em 1898, em Nürtingen, ele assume a direção técnica da construção da central elétrica. Durante o aprimoramento da central elétrica de Balingen, ele conhece sua futura esposa Anna Bizer.

Wilhelm Kraut compra a Bizerba

1906

Andreas Bizer vende sua oficina de construção de balanças ao seu genro por 25.474 goldmarks (marcos de ouro). Com 8 colaboradores, inicialmente são produzidas, principalmente, balanças de Roberval e balanças romanas que, na maioria, são vendidas na Suíça.

Uma nova geração: Wilhelm Kraut Júnior

1923

Wilhelm Kraut Júnior, posteriormente um senador honorário da Universidade Eberhard-Karl de Tübingen, assume a direção da empresa com apenas 17 anos, quando o seu pai adoece gravemente. O que ele leva consigo para esse cargo são os exames e a distinção da Escola Superior de Comércio em Calw, o seu talento e o seu entusiasmo jovial.

A primeira balança semi-automática

1924

Junto com os seus mestres Hauser e Schlaich, Wilhelm Kraut desenvolve a primeira balança semi-automática do mundo. O desenvolvimento de importância histórica é patenteado em 1925 e torna-se rapidamente indispensável no comércio, uma vez que deixa de ser necessário mexer com pesos soltos.

A primeira balança de varejo mecânica com impressão de recibos

1927

À frente do seu tempo: uma visão técnica dos engenheiros da Bizerba, cuja concretização final ocorreu com as balanças eletrônicas dos anos 60.